Área de Reabilitação Urbana da Ericeira

A alteração da delimitação da área de reabilitação urbana (ARU) do Centro da Ericeira corresponde à sua ampliação a todo o tecido urbano principal da vila, apresentando uma área de 42,9 hectares.

A nova delimitação da ARU da Ericeira, publicada no Diário da República 2.ª série, através do Aviso n.º 11676/2015, de 13 de outubro, integra a ARU do Centro da Ericeira, publicada sob o Aviso n.º 5553/2015, de 21 de maio. A ARU da Ericeira pode ser consultada no GeoMafra - Portal Geográfico.

No seguimento da elaboração do Plano Estratégico da Reabilitação Urbana, houve a necessidade de rever os limites da antiga ARU, por forma a enquadrar a reconversão do tecido urbano principal da vila, de carácter patrimonial, numa zona economicamente mais atrativa, tirando partido de elementos polarizadores da dinâmica de vivência deste núcleo, pela necessidade de incrementar a competitividade e a sua atratividade, no panorama do concelho e da região.

Para além do caracter de núcleo habitacional, com características fortemente costeiras e de relação histórica com as práticas piscatórias, a Vila da Ericeira apresenta uma diversidade de elementos construídos que a caracterizam e que a distinguem como um dos pontos turísticos mais atrativos da Área Metropolitana de Lisboa – valorizada pela recente distinção como Reserva Mundial de Surf.

Recentemente, foi alvo de intervenção urbanística a antiga Escola Primária, na Travessa do Paço, que constitui um exemplo expressivo do desenvolvimento que se pretende para esta região, cumprindo o objetivo principal de dotar este núcleo urbano de uma incubadora de negócios relacionados com a economia do mar – a “Ericeira Business Factory”.

Os elementos de delimitação correspondem aos seguintes:

Anexos