Espaço de diálogo para dinamizar Reserva Mundial de Surf da Ericeira

A primeira reunião do Conselho Municipal de Gestão da Reserva Mundial de Surf da Ericeira (CMGRMS), hoje realizada, constituiu um momento estratégico que assinala o reforço da dinâmica de preservação e valorização da faixa costeira que, em quatro quilómetros, reúne sete ondas de qualidade mundial. Este órgão de consulta do Município de Mafra pretende promover a salvaguarda da paisagem natural protegida daquela que é a 1.ª Reserva Mundial de Surf da Europa, acompanhando as orientações da Save the Waves Coalition, assim como a intervenção articulada dos diferentes agentes locais, de natureza pública e privada. 

Após a cerimónia de instalação deste novo órgão de consulta da Câmara Municipal, os membros do Conselho iniciaram a elaboração do plano de atividades para 2017.

 

O CMGRMSE é composto por dois órgãos: o Conselho Restrito, que constitui o órgão de apoio ao planeamento e ao acompanhamento da situação da Reserva Mundial de Surf da Ericeira (RMSE) e que integra o denominado “Grupo de Guardiões”, formado pelas principais associações ligadas ao surf na região, em representação da comunidade surfista, designadamente o Ericeira Surf Clube, a Associação dos Amigos da Baía dos Coxos e a Associação SOS — Salvem o Surf; e Conselho Alargado, que constitui o órgão de natureza consultiva da RMSE, integrando representantes de diversas entidades, no âmbito autárquico, ambiental, desportivo, turístico, cultural, da saúde e da segurança. 

Espaço de diálogo para dinamizar Reserva Mundial de Surf da Ericeira