Red Bull Rivals termina na Reserva Mundial de Surf da Ericeira

A inédita competição que animou a comunidade surfista de Portugal e de Espanha, onde o público foi chamado a participar na escolha dos seus melhores representantes, teve a sua segunda e derradeira etapa na Ericeira, a qual foi transmitida para todo o mundo através da Internet. Ribeira d’Ilhas recebeu com boas ondas e muito sol os atletas dos dois lados da fronteira. Os portugueses, a jogar em casa, mostraram-se conhecedores das ondas daquela que é a primeira Reserva Mundial de Surf da Europa.

Nesta segunda etapa, a equipa lusa foi constituída por Tiago Pires (capitão),Tomás Fernandes (Local Hero), José Ferreira (Pro/ AM, em substituição de Vasco Ribeiro), Guilherme Fonseca (Junior, em substituição de Henrique Pyrrait), Carina Duarte (Girl, em substituição de Mariana Rocha Assis) e Mica Lourenço (Weekend Warrior), que estiveram frente a frente, respetivamente, com os espanhóis Aritz Aranburu, Illán Urkía, Natxo González (em substituição de Gony Zubizarreta), Iker Amatriain (em substituição de Luis Díaz), Ariane Ochoa e Eneko Merino.

 

Apesar da supremacia portuguesa em Ribeira d’Ilhas, os resultados não foram suficientes para contrariar a vantagem inicial alcançada por Espanha na primeira etapa realizada em Mundaka, no País Basco, em Espanha.

 

Realizada com o apoio da Câmara Municipal, esta competição teve o mérito de promover os melhores talentos de surf, contando com o envolvimento direto do público, e de contribuir, mais uma vez, para levar além-fronteiras o nome da Ericeira.

Red Bull Rivals termina na Reserva Mundial de Surf da Ericeira