Património Arbóreo

Os espaços arborizados podem minimizar muito os impactes ambientais decorrentes do crescimento urbano, melhorando o ambiente químico e físico, moderando o microclima e temperatura do ar, melhorando a hidrologia urbana e a qualidade do ar, atenuando o ruído e aumentando a biodiversidade.

Para além destes efeitos, a arborização urbana pode proporcionar outros benefícios, como estéticos, psicológicos e socioeconómicos, com reflexos positivos no bem-estar dos cidadãos.

Se detetar alguma ocorrência ligada aos espaços verdes e à sua manutenção, que necessite de intervenção, a quem me devo dirigir?

Pode solicitar/ participar as ocorrências (de abate, plantação, substituição, poda de árvores; danos/manutenção de infraestruturas e mobiliário urbano; danos/manutenção de erva ou relva; limpeza de espaços verdes (papéis, embalagens, etc.); reparação de sistema de rega; etc.) à Câmara Municipal de Mafra por um dos seguintes meios:

  • Diretamente no formulário de contacto do site municipal (identificando a localização da árvore);
  • Por telefone, através do 261 810 219 (dias úteis);
  • Presencialmente no balcão de atendimento do edifício dos Paços do Concelho.

Gostava de ter mais árvores na minha rua. A quem devo dirigir o meu pedido?

Pode enviar o seu pedido dirigido ao Sr. Presidente da Câmara Municipal de Mafra através do email: geral@cm-mafra.pt ou:

  • Diretamente no formulário de contacto do site municipal (identificando a localização da árvore);
  • Presencialmente no balcão de atendimento do edifício dos Paços do Concelho.

Porque é que se abatem árvores nos espaços verdes de domínio público?

Existem várias razões para o abate de uma árvore, das quais destacamos as seguintes:

  • Quando colocam em risco a segurança de pessoas e bens;
  • Por questões fitossanitárias, cortando e removendo as árvores mortas, procurando assim controlar doenças ou pragas;
  • Para diminuir a competição intra-específica, nomeadamente nas manchas florestais, removendo-se as árvores dominadas ou em risco de queda, reduzindo assim as elevadas densidades,  e permitindo às árvores que ficam no terreno, desenvolverem-se melhor e ficarem assim menos susceptíveis ao ataque de diversas doenças e pragas;
  • Para reduzir o risco de incêndio, ao diminuir a densidade da mata, dificultando assim a propagação do fogo por copas. Esta intervenção é complementada com um corte selectivo de matos.

Todas estas intervenções são normais e necessárias em qualquer espaço arborizado, para que o património arbóreo se desenvolva equilibradamente e possa ser usufruído na plenitude pelos munícipes.

O meu vizinho tem no quintal uma árvore cujos ramos batem na janela da minha casa, posso pedir à Câmara Municipal a poda dos ramos?

Uma vez que a árvore se encontra em espaço privado, a Câmara Municipal de Mafra não tem competências para intervir. Por essa razão, sugerimos que contacte o proprietário para futuras intervenções. Pode proceder ao corte de toda a vegetação que estiver a cair para a sua propriedade, caso não for feito pelo seu vizinho.

Se a árvore apresentar riscos para bens ou pessoas em espaço público, deverá contactar de imediato o Centro Municipal de Proteção Civil de Mafra (261 818 261 / 800 261 261).

Onde posso participar os danos provocados pela queda de uma árvore?

Quaisquer danos resultantes de uma queda de árvore podem ser participados à Câmara Municipal de Mafra através do email: geral@cm-mafra.pt ou:

  • Diretamente no formulário de contacto do site municipal (identificando a localização da árvore);
  • Por telefone, através do 261 810 219 (dias úteis);
  • Presencialmente no balcão de atendimento do edifício dos Paços do Concelho.

Poderá acompanhar a participação por elementos que ajudem a clarificar a situação:

  • Orçamento devidamente discriminado, quantificando o valor que o reclamante pretende ver indemnizado;
  • Documento que comprove a propriedade do bem patrimonial que foi afetado pelo acidente, ou a sua legitimidade sobre o mesmo;
  • Cópia do contrato de apólice do seguro ou declaração da companhia de seguros em como não foi apresentado participação do acidente em causa.

O requerente poderá ainda anexar os documentos que entender pertinentes para apreciação do processo, tais como: fotografias do acidente, do carro e da árvore; autos da Polícia de Segurança Pública, da Policia Municipal, do Regimento de Sapadores Bombeiros, indicação de testemunha.