Concelho de Mafra sem glifosato

O Município e as 11 Juntas/ Uniões de Freguesias do Concelho de Mafra, reunidas hoje no Edifício dos Paços do Concelho, decidiram, por unanimidade, celebrar um Memorando de Entendimento, assumindo o compromisso de não utilização de produtos fitofarmacêuticos à base de glifosato e outros herbicidas sintéticos. Mais decidiram aderir ao programa “Autarquias sem Glifosato/ Herbicidas”, promovido pela Quercus. A assinatura será realizada no dia 3 de abril, às 11 horas, no edifício dos Paços do Concelho de Mafra.

Tal representa o culminar de um trabalho de levantamento e análise da aplicação de produtos fitofarmacêuticos e das possíveis soluções alternativas. Pese embora os resultados apresentados nos estudos efetuados, nos últimos anos, à toxidade do glifosato se terem vindo a revelar contraditórios, sendo que a venda de produtos com essa substância ativa se mantém autorizada pelas autoridades nacionais e internacionais, as autarquias do Concelho de Mafra honram o compromisso assumido nos seus programas autárquicos, através do recurso a alternativas ecológicas para controlo de ervas infestantes em zonas urbanas e de lazer, bem como em vias de comunicação.

Para além da não utilização de produtos fitofarmacêuticos à base de glifosato e outros herbicidas sintéticos, o Memorando de Entendimento a celebrar pelo Município de Mafra e as Freguesias prevê, ainda, o reforço de meios afetos às limpezas urbanas e a utilização prioritária de meios mecânicos, sendo que, nos casos em que a mesma não se afigure possível, se recorrerá à aplicação autorizada, por profissionais habilitados, de produtos de origem natural.

Atendendo a que o envolvimento da população do Concelho de Mafra é essencial na garantia da limpeza dos espaços públicos, os parceiros desenvolverão uma campanha de comunicação alargada, orientada para a adoção de boas práticas ambientais.