Academia da Mobilidade Mafra Saudável

A Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARS-LVT) e o Município de Mafra celebraram um protocolo de cooperação para criação da Academia da Mobilidade Mafra Saudável, que pretende fomentar a prática da atividade física específica de grupos alvo, aumentar a mobilidade e potenciar o envelhecimento ativo.

Este projeto tem como destinatários todos os utentes inscritos em qualquer unidade funcional do Centro de Saúde de Mafra com grau de dependência ligeira a moderada ou com patologias como: cardiovascular (AVC, hipertensão), respiratória, metabólica, osteoarticular, neurológica, excesso de peso ou depressão.

O acesso destes destinatários à Academia de Mobilidade Mafra Saudável (que funcionará nos ginásios do novo edifício do Centro de Saúde de Mafra e na Unidade de Saúde Mafra Leste, localizada na Venda do Valador) é efetuada mediante referenciação do médico de família, tendo estes a possibilidade de realizar, em três sessões semanais, com 30 a 60 minutos de duração, atividades acompanhadas por enfermeiros, fisioterapeutas e professores de educação física.

Numa lógica de promoção da literacia em saúde, de modo a que os cidadãos possam autonomizar-se e adotar estilos de vida saudáveis, contrariando o sedentarismo e os maus hábitos alimentares, a frequência desta academia decorre apenas durante seis meses, pretendendo-se a capacitação destes cidadãos.

O referido protocolo de cooperação foi assinado pelo Presidente da ARS-LVT, Luís Pisco, e pelo Presidente da Câmara Municipal de Mafra, Hélder Sousa Silva, tendo o primeiro sublinhado que este projeto constitui “mais uma das parcerias virtuosas que, desde longa data, têm vindo a ser desenvolvidas entre a ARS-LVT e o Município de Mafra”. Nos termos deste protocolo, compete à autarquia a colocação de professores de educação física e a disponibilização de recursos materiais para a prática dos exercícios.

Nesta ocasião, o Presidente da Câmara Municipal identificou, como oportunidade, o funcionamento da Academia da Mobilidade Mafra Saudável em complementaridade com o “Movimento é Vida”, projeto desenvolvido pela autarquia em parceria com o Centro de Saúde de Mafra e que, desde 1992, tem vindo a promover a prática da atividade física por munícipes com mais de 55 anos. Atualmente, registam-se 726 utentes, distribuídos por 30 grupos em 20 localidades do Concelho de Mafra.

Após a assinatura deste protocolo, os Presidentes da ARS-LVT e da Câmara Municipal visitaram as obras de construção do novo Centro de Saúde de Mafra.

Assinatura de protocolo - Academia da Mobilidade Mafra Saudável